Lojas HUMANA

Av. Almirante Reis 104-B1150-022 Lisboa
Tel: (+351) 218 139 327

Av. Almirante Reis 26-A1150-018 Lisboa
Tel: (+351) 217 971 019

Rua Júlio DinisRua Júlio Dinis, 936 4050-322 Porto
Tel: (+351) 22 600 08 08

Rua Morais Soares 701900-348 Lisboa
Tel: (+351) 218 131 557

Av. Almirante Reis 941150-022 Lisboa
Tel: (+351) 218 132 713

AreeiroPraça Francisco Sá Carneiro nº 10 A / 10 B 1000-160 Lisboa
Tel: (+351) 218 450 909

FanqueirosRua dos Fanqueiros nº 225 1100-229 Lisboa
Tel: (+351) 218 861 187

Rua Passos Manuel 624000-450 Porto
Tel: (+351) 22 201 17 80

Av. 5 de OutubroAvenida 5 de Outubro, 72 1050-059 Lisboa
Tel: (+351) 217 931 799

Saúde


VIH/Sida, Tuberculose e Malária constituem juntos, provavelmente, as doenças mais debilitantes e onerosas, não apenas para as famílias e comunidades nos países em desenvolvimento, mas também para os sistemas de saúde e para a economia. A Humana People to People acredita que os indivíduos afetados e infetados por estas doenças têm um papel essencial na diminuição da das mesmas. Trabalhamos em comunidades de forma a mobilizar profissionais de saúde, capazes de construir relações com a comunidade regional e educar e conferir poderes aos próprios para lidar com estas doenças. Profissionais de saúde educam a comunidade local sobre o vírus VIH/Sida, Tuberculose e Malária, assim como em matéria de saúde sexual e reprodutiva. Ao criar um ambiente aberto e não repressor pela comunidade em si, os profissionais de saúde encorajam os indivíduos a submeter-se a testes e ajudam no aconselhamento aos afetados e infetados por estas doenças a viverem uma vida saudável e produtiva.

O projeto TCE TB em Moçambique trabalha para monitorar TB junto à comunidade local e mobilizar tratamento para todos aqueles que o necessitam. Os profissionais de saúde constroem relações com cada uma das 2.000 famílias para educar a comunidade quanto aos problemas relativos à Tuberculose e ao vírus VIH e para detectar essas doenças o quanto antes. Além disso, o programa procura expandir, fortalecer e melhorar o acesso aos serviços de saúde e tratamentos para aqueles que obtiveram um teste positivo, além de suas famílias. Em 2013, mais de 5.500 casos suspeitos foram sinalizados para testagem, dos quais quase 1.000 resultaram em testes positivos e foram encaminhados para iniciar  tratamento. Além disso, o projeto treinou 1.055 voluntários de cuidados de saúde para apoiar os que foram diagnosticados com Tuberculose, assegurando uma medicação correta e uma alimentação saudável.

Na Guiné-Bissau, a Humana Portugal, a UNICEF e o governo estão a implementar o programa Comunidade de Profissionais de Saúde a fim de otimizar os cuidados de saúde geral. Atualmente, o programa encontra-se no segundo dos três anos de duração e, até ao presente, os resultados são extremamente positivos. A Comunidade dos Profissionais de Saúde age como um vínculo entre a comunidade local e os serviços de saúde estabelecidos. Cada profissional de saúde trabalha junto a 56 famílias, ou seja, quase 400 indivíduos, fornecendo necessidades básicas e remetendo as pessoas às instalações de cuidados médicos e de saúde. Como resultado deste  trabalho, em 2013, mais de 3.500 crianças abaixo de 6 meses de idade foram exclusivamente amamentadas com leite materno, e cerca de 10.000 crianças entre 6 meses e 5 anos receberam suplementos nutritivos, tratamento contra parasitas e cuidados monitorizados pelos serviços médicos e de saúde locais.